VBO: liberdade para a barriga!

VBO, pochete, barriga-avental, pancinha: não importa como você aprendeu a chamar, com certeza você aprendeu a odiar esta parte do seu corpo. Como se livrar da gordura abdominal é frase comum nos caça-cliques da vida porque todos nós, homens e mulheres, de todos os pesos e culturas, detestamos nossa barriga, seja ela como for. Ela nunca é boa o bastante.

em 1606 todo mundo podia ter pancinha, das mulheres mais lindas às crianças. Da série "Judgement of Paris", Rubens.

em 1606 todo mundo podia ter pancinha, das mulheres mais lindas às crianças. Da série “Judgement of Paris”, Rubens.

Mesmo com o avanço nos movimentos pró aceitação corporal, quase tudo é permitido: pneuzinhos, celulite, pelos, estrias, rugas. Em algum grau as coisas, sim, andaram pra frente, nem que com certa morosidade. Mas, pegue como exemplo suas modelos e influencers plus size favoritas: alguma delas tem barriga? Se tem, escondem. Com cinta, com photoshop, com artifícios fashion. Barriga é o último tabu do corpo feminino.

E onde existe um tabu, existe um grupo de mulheres corajosas dispostas a derrubá-lo. Antes das axilas não depiladas da Bruna Linzmeyer na capa da Marie Claire ou do movimento Free the Nipple, o Instagram já servia como sede para a hashtag “VBO”: Visible Belly Outline, “aportuguesando”, marca visível da barriga. Os primeiros posts remontam de 2014, quando o assunto virou polêmica internacional, endossado por body positives como a Gabi Fresh. Por aqui, no entanto, o assunto passou desapercebido.

Gabi Fresh, uma das primeiras influencers a assumir com estilo sua VBO.

Gabi Fresh, uma das primeiras influencers a assumir com estilo sua VBO.

Barriguinha chapada tem tudo a ver com o ideal machista sobre como o corpo da mulher deve ser e como nós compramos essa ideia, mais do que eles, inclusive. Como julgamos outras mulheres, passamos toda uma vida nos odiando e correndo risco de vida por uma parte do corpo. Nós até podemos dar like pro suvaco peludo ou pra barriga de alguém no Instagram, mas o quanto desse pequeno ato fala sobre incentivar a liberdade ou apenas reconhecer a coragem que não temos?

vbo-visible-belly-outline-criaturagg

VBO infelizmente não é mais tendência. Nem lá, nem cá. Nem no Instagram, nem nas calçadas. Mas, nossas barrigas continuam proeminentes. As mulheres que postaram suas pochetes, provavelmente, continuam a odiá-las e a disfarça-las a todo custo. Será? Talvez, como gatos, precisamos dar uma leve recuada para um grande salto.

vbo-visible-belly-outline-criaturagg2

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *