Meu Primeiro Biquíni GG: liberdade para ser feliz.

“Maiô enfia na bunda, achata o peito e, na verdade, só cobre a barriga”. Esta  frase, uma absoluta verdade, foi o que me levou a provar um biquíni GG, o primeiro da minha vida adulta, aos 21 anos. A sentença saiu reta da boca da minha então melhor amiga, uma gordinha pra lá de bem resolvida que me ensinou a gostar mais de mim.

Lembro do pavor de tirar a canga, de achar que iria dar um mergulho na piscina e a calcinha ia enrolar e a barriguinha pochete faria a aparecida por cima da calcinha. Lembro de não saber amarrar direito, de ficar muito tempo em frente ao espelho e de desistir muitas vezes antes de fazer minha estreia tímida.

Ali, toda encolhida sob um guarda-sol eu vi uma mulher bem mais gorda ao meu lado com um biquíni de lacinho, claramente insuficiente para cobrir tudo que deveria. Ela estava deitada de boas, com o marido e com um bronzeado lindo. Estava feliz. Foi então que eu tirei a tal canga e nunca mais coloquei de volta.

Aquela mulher anônima, impetuosa e linda em seu biquíni GG, foi minha carta de alforria e hoje eu quero ser essa mulher pra você.

biquinigg-moda-praia-plus-size-criaturagg-cor-de-jambo-autoestima-verao-2020-katia-ricomini

Muitas de nós somos bombardeadas com uma pressão gigantesca pra nos aceitarmos e nos amarmos a todo custo. Essa pressão, na minha razoável opinião, é ainda maior do que aquela para sermos magras. Nossa timeline está recheada de mulheres plus em fotos incríveis usando biquínis divinos no Caribe ou qualquer outro lugar paradisíaco. Geralmente, cheias de filtros, de photoshop, de todo um staff pra maquiar o que deveria ser a tal felicidade. Elas estão realmente tão felizes?

Estes exemplos, geram o efeito contrário. Faço catálogos de moda praia há muitos anos e outro dia escutei de uma colega, roliça e cheia de vergonha de ir curtir o verão de pancinha de fora, “pra elas é bem fácil, elas são gordinhas durinhas, sem barriga”. Exemplo bom é de gorda como a gente, com a perna cheia de celulite, pneuzinho e aquela cara de quem tomou mais Skol do que deveria. É isso que você quer? Então toma!

Um time de gordinhas alegres: Priscilla, Isabella, eu e Alessandra.

Um time de gordinhas alegres: Priscilla, Isabella, eu e Alessandra.

Para comemorar os nossos 20 anos de existência online convidei algumas gordinhas NÃO MODELOS a fazer um ensaio em uma praia lotada. Nordeste? Não, meu orçamento levou a gente só até o Guarujá mesmo. E lá, entre um clique e outro, cada uma foi contando sua história sobre o que fizeram nos verões passados.

Alessandra Campos, 40 anos, influencer e gestora do projeto “O Sol Nasce para Todas as Idades” é extrovertida, vaidosa e linda. É difícil imaginar uma mulher deste calibre com medo, com vergonha. Mas, ela tem. Ou teve. Perguntei a ela o que fez com que abandonasse o maiô de jovem senhora e se jogasse em um duas peças, coisa que ela fez há muitos anos: “liberdade”, ela me disse. Que resposta linda.

A influencer Alê Campos em biquíni da Cor de Jambo moda praia plus size.

A influencer Alê Campos em biquíni GG da Cor de Jambo moda praia plus size.

Mais recente foi o processo da Priscilla Satin, 35 anos, nossa make up artist: o primeiro biquíni veio somente agora em 2019. A vontade veio justamente do contato com peças plus size que ela teve nos muitos Jobs que faz neste segmento. “Agora que conheço marcas de biquíni que são exclusivas para meu tipo de corpo, me sinto mais a vontade e segura também”, conta ela.

Priscilla Satim com biquíni e saída de praia da Cor de Jambo.

Priscilla Satim com biquíni e saída de praia da Cor de Jambo.

Outra recém adepta ao look de duas peças é Isabela Martins, 27 anos, operadora de call center. “Na maioria das vez, uso maiô. Biquíni só passei a comprar de um ano pra cá, quando comecei a trabalhar melhor minha autoestima. Ainda estava meio insegura, e hoje descobri que existem biquínis realmente planejados para o nosso corpo. Me senti muito bem, segura”, confessa a jovem.

isabella-martins-biquini-gg-cor-de-jambo-moda-plus-size-o-sol-nasce-para-todas-as-idades-gordinhas-verao-2020

As peças que ela comentou são as que usou e provou na loja da Cor de Jambo, localizada no Guarujá (Litoral de São Paulo) e dona de um importante comércio eletrônico, atendendo gordinhas estilosas de todo o país. Os biquínis, que vendem mais do que os maiôs, tem uma pegada fashion adorável, porém, o diferencial da marca está na modelagem. Nada de peito espalhado, calcinha fina que enrola, aquela tira que machuca no ombro: tem investimento pesado em pesquisa por novos materiais e novos jeitos de deixar o produto estruturado e resistente. Deixou meio peito juntinho e tudo onde deveria ficar, sem apertar, machucar, achatar. Nota mil!

O pulo do gato da Cor de Jambo é ter a uma plus size na direção criativa, a Juliana Torrette. Enquanto muitas marcas de moda GG ainda torcem o nariz em contratar gordinhas para seu quadro de funcionários, ela prova que seu expertise faz toda a diferença. “Além da busca pelas melhores matérias primas, sempre fazemos muitas provas, e, em muitos corpos diferentes para saber como a peça de comporta na silhueta gordinha”, diz.

Aliás, esta é optar por qualidade é a recomendação número um do meu trio de bonitas escaladas para este post: procure peças que tenham bojo e sejam confeccionadas em materiais mais resistentes. Além de ficar mais bonita, você ficará mais segura e livre.

A Juliana também arremata: “Prove tudo o que tiver no seu tamanho, faz parte do amadurecimento. Ajuda a conhecer o próprio corpo e entender o que fica melhor em você! Quando for em uma loja, deixe qualquer preconceito ou tabu em casa.

biquinigg-moda-praia-plus-size-criaturagg-cor-de-jambo-autoestima-verao-2020-grupo

Outra unanimidade entre as meninas, confessada debaixo de alguma tortura, foi a insegurança em relação a própria barriga. Por que elegemos essa parte do corpo para odiar?  “Incomoda”, disse Alessandra. A mim, o que incomoda é o mundo.

Sabe aquele bando de gente estatelada te vendo passar, parecendo que finalmente achei o Nemo? As três também narram situações semelhantes. Uma gorda bem resolvida, de biquíni ou burca, sempre vai gerar alguma reação, especialmente em outras mulheres. O surpreendente é que apesar de alguma surpresa inicial por parte de incautos ou pobres de espírito,elas contam que a recepção costuma ser positiva, com direito a elogios.

trio-moda-plus-size-cor-de-jambo-criatura-gg-biquini-verao-2020

Prova disso é que no dia das fotos desta matéria, uma gordinha bem jovem pediu pra tirar fotos conosco, adorou a ideia de haver um mundo assim, cheio de liberdade para ser quem a gente é. Não pude deixar de reparar que ela estava de biquíni, mas ficou o tempo todo com uma camiseta por cima, inclusive no mar. Acho que da próxima vez que ela for a praia vai tirar essa bendita camisetona e nunca mais por de volta. E você? Vai curtir o verão sem neura?

Agradecimentos importantes!

Óculos: Chilli Beans – loja virtual e @chillibeansoficial
Looks: Cor de Jambo Moda Praia – loja virtual e @cordejambomodapraia
Loja 1 : Av. da Saudade, 121 e Loja 2 : Av. Miguel Estéfano, 829 – Enseada – Guarujá/SP
WhatsApp: (13) 9.8148-1275 * Próxima feira: dezembro no Pop Plus
Projeto O Sol Nasce para Todas as Idades: @osolnasceparatodasasidades

Créditos:

Fotografia e Produção: Kátia Ricomini (site e @katiaricomini)
Casting, Mídia e Produção: Alê Campos (@alecamposplus)
Assistência de Fotografia e Remote Shooting: Wlamir Ramos (@wlamirramos)
Beauty: Priscilla Satim (@priscillasatim)
Participação especial: Isabella Martins (@isahbella_)

alessandra-campos-alecamposplussize-o-sol-nasce-para-todas-biquinigg-moda-praia-plus-size-cor-de-jambo-biquini-gg-2

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *